segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

Era uma vez... Natal com as dicas da Ophicina Recreare

Rara ou raro leitor, especialmente se tem crianças em casa, leia o que indica Celina Bragança (desculpem a corujice de pai...), responsável pela Ophicina Recreare, de São Paulo, para fazê-las entrar na festa de um modo mais participativo, com atividades em que se criam brinquedos no clima de Natal.

A matéria, publicada no sítio virtual da Abril.com, é de Michelle Veronese:


Pais e bebês – todos podem entrar no mundo mágico do Papai Noel. Mas, antes de pôr a mão na massa e produzir os brinquedos e enfeites natalinos inventados pela educadora Celina Bragança, coordenadora da Ophicina Recreare, em São Paulo, crie o clima de faz-de-conta com algumas histórias.

Era uma vez... Bem, para começar, por que não contar ao pequeno a própria lenda do Bom Velhinho? Depois explique que as guirlandas servem para anunciar a chegada do Natal e que, antigamente, as pessoas costumavam decorar o pinheiro com frutas e doces para deixar a festa ainda mais saborosa.

Uma outra dica – válida principalmente para os bebês – é fingir que você é o Papai ou a Mamãe Noel. “Diga a seu filho que ele acaba de ser eleito o novo duende que vai ajudá-lo na fábrica de brinquedos”, ensina Celina, que coordena oficinas de arte para crianças há mais de dez anos. Para simbolizar o papel de cada um nessa brincadeira, vocês não precisam se fantasiar. “Um simples detalhe na vestimenta, como um chapéu feito de jornal ou um lenço verde no pescoço, é suficiente para a criança ver a situação com outros olhos”, diz a educadora.

Leia mais: http://www.bebe.com.br/familia/natal/fabrica.php

Ophicina Recreare Assessoria Pedagógica e Desenvolvimento Humano
11 5096 1474 11 9332 8666
celina@ophicinarecreare.com.br

Um comentário:

Christiane disse...

Anibal, adorei o seu blog, virei aqui com mais freqüência. A propósito, como faço para inserir esses anúncios da Google na minha página. Depois dê uma olhada, é sobre o universo feminino. Diga-me o que achou. Bjo. Christiane
http://esparilho.wordpress.com